Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Upside Down

Um blogue de uma futura (e esperançosa) jornalista, que vê na escrita um refúgio para os bens e para os males da vida.

Upside Down

Um blogue de uma futura (e esperançosa) jornalista, que vê na escrita um refúgio para os bens e para os males da vida.

PESSOAL: Amor próprio

e80c11275553de0ab2ae8b7d3773a8f4.jpg

Se há coisa que a vida me foi ensinando aos poucos é que, se eu não gostar de mim, ninguém gostará. E se gostar de mim, muita gente irá odiar-me na mesma.

A diferença é que, se gostar de mim, sei o que mereço, sei a pessoa que sou e aquilo que valho e não permito que ninguém me rebaixe ao ponto de me fazer sentir que não mereço aquilo que tenho ou aquilo que fui ganhando com a minha luta, o meu suor, o meu trabalho.

Julguem-me por ser quem sou, sintam-se os maiores por serem quem são, mas um dia veremos que pelo menos eu sou o que sou e nunca o negarei, enquanto vocês apenas fingem ser algo que não são para serem socialmente aceites. E o pior de tudo é que tanto a vossa faceta fingida como a vossa verdadeira personalidade são uma merda.

Um pequeno desabafo. Sirva a carapuça a quem assim o entender.

 

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.